Selecione a página

Mercedes SL, renascimento de um ícone, agora sob a batuta da AMG

Mercedes SL, renascimento de um ícone, agora sob a batuta da AMG

O novo Mercedes-AMG SL, o renascimento de um ícone, regressa às suas raízes com uma capota em tecido e um carácter ainda mais esportivo. Ao mesmo tempo, o roadster de 2 + 2 lugares, traz como novidade a tração nas quatro rodas pela primeira vez. Componentes de alta tecnologia, como a suspensão AMG ACTIVE RIDE CONTROL com estabilização anti-roll ativa, direção do eixo traseiro, sistema de freio composto de cerâmica opcional e a LUZ DIGITAL padrão com função de projeção aprimoram o perfil esportivo. Em combinação com o motor V8 biturbo de 4,0 litros, resulta em uma experiência de direção ainda mais emocionante. O novo SL foi desenvolvido de forma independente pela Mercedes-AMG, localizada em Affalterbach, o berço das estrelas esportivas da marca.

Há quase 70 anos, um carro esportivo lançado em Stuttgart se tornou uma lenda. A visão de expandir o potencial da marca Mercedes-Benz por meio de sucessos no automobilismo produziu o primeiro SL como resultado – um carro de corrida para o uso em estrada. Pouco depois de sua estreia em 1952, o 300 SL (designação interna W 194) colheu sucesso após sucesso nas pistas ao redor do globo. Em seu primeiro ano, ele alcançou, entre outras coisas, uma vitória nas lendárias 24 Horas de Le Mans e conquistou os quatro primeiros lugares no Grande Prêmio do Jubileu de Nürburgring para carros esportivos. O sucesso nas pistas logo se converteu o SL em uma lenda.

O sucesso foi seguido em 1954 pelo 300 SL (W 198), que recebeu o codinome “Gullwing” devido ao estilo incomum de suas portas. Em 1999, um júri de jornalistas automotivos votou nele como o “Carro Esportivo do Século”. Outros destaques na história do modelo incluem o “Pagoda” (W 113, 1963-1971), o evergreen R 107 (1971-1989), que foi construído durante 18 anos, e seu sucessor, o R 129, que é considerado um automóvel escultural devido ao formidável estilo em cunha. A abreviatura “SL” até hoje representa um dos poucos ícones automotivos genuínos do mundo.

O aspecto exterior fascina com uma tríade perfeita: ele combina a filosofia de design moderna da Mercedes-Benz com a esportividade típica do AMG. Detalhes como as duas saliências no capô são apenas uma das inúmeras reminiscências da primeira geração do SL.

Visual equilibrado e genética esportiva

As características do desenho da carroceria são a longa distância entre eixos, as saliências curtas, o capô longo, o compartimento do passageiro recuado com um para-brisa fortemente inclinado e a traseira exuberante. Isso resulta nas proporções típicas de um SL. Juntamente com os arcos das rodas esculpido e as grandes rodas de liga leve, dão ao roadster sua aparência elegante. Quando fechada, a capota de lona perfeitamente integrada ressalta a impressão purista e esportiva.

A grade do radiador específica do AMG enfatiza o efeito da largura da frente e, com seus 14 frisos verticais, cita o ancestral de todos os modelos SL, o lendário 300 SL de corrida de 1952. Outros elementos de estéticos incluem o fino e bem delineado Faróis LED DIGITAL LIGHT e as lâmpadas traseiras LED igualmente finas.

Mix de tecnologia no interior

O interior do novo Mercedes-AMG SL contempla um novo arranjo do cockpit, entre temos a tela ajustável no console central. Ao mesmo tempo, o conceito de espaço interior completamente novo com 2 + 2 lugares passam a oferecer mais espaço e funcionalidade do que antes. Os bancos traseiros aumentam a praticidade do dia a dia e oferecem espaço para pessoas de até 1,50 metros de altura.

O interior minimalista do 300 SL Roadster, prima pela combinação de geometria analógica e mundo digital – chamada de “hiperanalógico”. Isso é exemplificado pelo painel de instrumentos totalmente digital, que é integrado em um visor tridimensional. O sistema de infoentretenimento MBUX padrão oferece uma escolha de vários estilos de exibição específicos e modos diferentes.

Um dos muitos destaques no interior do novo SL é o desenho dos bancos, com ajuste elétrico. Os encostos de cabeça estão integrados ao encosto. O AIRSCARF é de série: o ar quente flui para o habitáculo nas saídas presentes nos encostos de cabeça e envolve a área da cabeça e pescoço do condutor e do passageiro da frente como um lenço. Os assentos AMG Performance estão disponíveis como opção.

A plataforma MBUX (Mercedes-Benz User Experience) é intuitiva de operar e capaz de aprender. Oferece inúmeros conteúdos funcionais e a estrutura operacional do sistema MBUX de segunda geração, é o mesmo que estreou no novo Mercedes-Benz Classe S. No SL, o conteúdo específico AMG é adicionado extensivamente em cinco estilos de exibição. Itens de menu exclusivos como “AMG Performance” ou “AMG TRACK PACE” também enfatizam o caráter esportivo.

Carroceria: nova arquitetura e amplo uso de alumínio

O novo SL é baseado em uma arquitetura completamente nova desenvolvida pela Mercedes-AMG. O chassi é projetado como uma estrutura de alumínio e consiste em uma armação espacial autossustentada. O desenho garante a máxima rigidez graças ao emprego como alumínio, magnésio, compósitos de fibras e aço, de onde é feita a moldura do para-brisa, por exemplo. Isso serve como proteção contra capotamento em conjunto com o sistema de barra de proteção atrás dos bancos traseiros, que pode ser estendido quando necessário.

Em comparação com a série de modelos anteriores, a rigidez torcional da carroceria aumentou 18%. A rigidez transversal é 50 % maior do que o valor já excepcional do AMG GT Roadster. A rigidez longitudinal é 40% maior. O peso da carroceria simples é de cerca de 270 kg.

Aerodinâmica ativa: para equilíbrio perfeito e alta eficiência

Um dos principais focos de desenvolvimento do novo SL foi a eficiência aerodinâmica. Aqui, o roadster se beneficia da ampla experiência em automobilismo da Mercedes-AMG e dos extensos elementos aerodinâmicos ativos na dianteira e na traseira. Tudo isso se traduz em um baixo coeficiente aerodinâmico Cx 0,31 – um valor excelente para carros esportivos de capota retrátil.

Sistema de controle de ar AIRPANEL: duas peças pela primeira vez

Um destaque técnico se refere ao sistema de controle de ar ativo AIRPANEL de duas peças. A primeira peça opera com venezianas verticais escondidas atrás da entrada de ar inferior no spoiler dianteiro. A segunda peça está localizada atrás da entrada de ar superior e possui venezianas horizontais. Normalmente todas as venezianas estão fechadas. Esta posição reduz o arrasto e permite que o ar seja direcionado especificamente para a parte inferior da carroceria. Isso reduz ainda mais a elevação frontal. Somente em certas temperaturas dos componentes predefinidos são alcançadas e a demanda por ar de resfriamento é particularmente alta, as venezianas abrem (o segundo sistema somente a partir de 180 km / h) e permitem que o ar frio flua para os trocadores de calor.

Outro componente ativo é o spoiler traseiro retrátil perfeitamente integrado a tampa do porta-malas. Ele muda sua posição dependendo do estado de condução. Ao fazer isso, o programa de controle leva em consideração vários parâmetros: Ele leva em consideração a velocidade de condução, a aceleração longitudinal e lateral e a velocidade de direção no cálculo. O spoiler assume cinco posições angulares diferentes de 80 km / h para otimizar a estabilidade de manuseio ou reduzir o arrasto.

O elemento aerodinâmico ativo opcional, que está abrigado na parte inferior da carroceria à frente do motor, também contribui para um manuseio aprimorado. Este perfil de carbono, que pesa cerca de dois quilos, reage à configuração dos modos de condução AMG e se estende automaticamente para baixo em cerca de 40 milímetros a uma velocidade de 80 km/h. Os modos de condução AMG são então ativados. Isso cria o chamado efeito Venturi, que suga o carro além da superfície da estrada e reduz a elevação do eixo dianteiro. O motorista sente isso positivamente na direção: o SL pode ser dirigido com ainda mais precisão em curvas e pistas de forma ainda mais estável.

A capota flexível: menos peso e baixo centro de gravidade

O novo SL trouxe de volta capota de lona elétrica em vez do anterior teto variável de metal. Essa mudança acarretou na redução de 21 kg no peso. A dobra em Z que economiza espaço e peso torna possível dispensar uma tampa de compartimento com capota flexível convencional. A cobertura frontal garante que a capota aberta fique nivelada com a superfície em sua posição final. O aspecto de três camadas consiste em uma concha externa bem esticada, forro do teto feito com precisão e o tapete acústico feito de material de alta qualidade de 450 g/m² inserido no meio.

A abertura e o fechamento levam apenas cerca de 15 segundos e são possíveis até uma velocidade de 60 km/h. A capota é operada usando o painel de controle no console central ou a tela sensível ao toque multimídia, na qual uma animação mostra como o processo está progredindo.

Motor, transmissão e tração nas quatro rodas

No lançamento, o novo SL começa com dois níveis de potência provenientes do motor V8 biturbo de 4,0 litros. Os engenhos são montados à mão nas instalações da empresa em Affalterbach de acordo com o princípio “One Man, One Engine”. No modelo SL 63 4MATIC +, o motor desenvolve 585 cv e fornece um torque máximo de 81,5 m.kgf entre 2500 a 4500 rpm. Acelera de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos, a velocidade máxima é de 315 km/h.

No SL 55 4MATIC +, o trem de força V8 desenvolve potência 476 CV e um torque máximo de 71,3 m.kfg. Este arranjo de potência o roadster faz de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos, atinge velocidade máxima de 295 km/h.

Para uso no SL, o motor recebeu um novo cárter, intercoolers reposicionados e ventilação ativa do cárter. Os dutos de admissão e exaustão foram otimizados para melhor troca dos gases. Os preparadores conseguiram o aumento da potência do SL 63 4MATIC + principalmente por meio de maior pressão de alimentação e maior fluxo de ar, bem como software de motor reprogramado. Resumindo, o motor entrega mais potência e a aceleração atinge todas as faixas de rotação. Posteriormente, também será oferecido o SL equipado com sistema hibrido AMG E PERFORMANCE.

Acoplado ao motor está a transmissão AMG SPEEDSHIFT MCT 9G. A novidade é a embreagem de partida úmida que substitui o conversor de torque. Isso se traduz em menor peso e, graças à sua menor inércia, otimiza a resposta aos comandos do pedal do acelerador.

Mais estabilidade de tração e manuseio: AMG Performance 4MATIC + tração nas quatro rodas totalmente variável

Pela primeira vez na história, o SL está disponível com um sistema de tração nas quatro rodas. Os dois modelos V8 estão equipados com a tecnologia de tração integral AMG Performance 4MATIC + de fábrica. Este sistema combina a distribuição de torque totalmente variável para os eixos dianteiro e traseiro e garante uma tração ideal.

Suspensão e freios: eixo dianteiro multi-link, estabilização antirolagem

O SL 55 4MATIC + está equipado de série com uma suspensão de aço AMG RIDE CONTROL recentemente desenvolvida com amortecedores de alumínio e molas helicoidais mais leves. Pela primeira vez, um veículo Mercedes-AMG produzido em série é equipado com um eixo dianteiro multibraço com cinco ligamentos dispostos inteiramente dentro do aro. Isso melhora significativamente a cinemática. No eixo traseiro, arquitetura de 5 pontos também controla as rodas.

A inovadora suspensão AMG ACTIVE RIDE CONTROL com estabilização antirolagem hidráulica ativa faz sua estreia no SL 63 4MATIC +. Maior inovação: Elementos hidráulicos ativos substituem as barras estabilizadoras mecânicas convencionais e compensam os movimentos de rolamento em frações de segundo. O sistema permite uma direção ideal e comportamento de mudança de carga com características de direção típicas AMG em termos de dinâmica, precisão e feedback para o motorista. Ao mesmo tempo, aumenta o conforto de condução ao dirigir em linha reta e sobre lombadas.

O recém-desenvolvido sistema de frenagem composto por novos discos de freio compostos que são mais leves do que antes e ocupam menos espaço, e ajuda resfriar melhor o freio. A perfuração direcional também é nova: além da economia de peso adicional e melhor dissipação de calor, esta solução ganha pontos com uma resposta mais rápida em condições molhadas, bem como uma melhor limpeza das pastilhas após as manobras de frenagem.

Direção do eixo traseiro ativa: combina agilidade e estabilidade

Pela primeira vez em sua longa história, o SL está equipado com direção ativa do eixo traseiro como padrão. Dependendo da velocidade, as rodas traseiras giram na direção oposta (até 100 km/h) ou na mesma direção (mais rápido do que 100 km/h) que as rodas dianteiras. O sistema, portanto, permite um manuseio ágil e estável – características que se contrastam sem a direção do eixo traseiro. Outras vantagens incluem controle mais fácil do veículo nos limites e menos esforço de direção porque a relação de direção da roda dianteira é mais direta.

Seis modos de condução e AMG DYNAMICS: de confortável a dinâmico

Os seis modos de condução AMG DYNAMIC SELECT “Slippery”, “Comfort”, “Sport”, “Sport +”, “Individual” e “RACE” (padrão para SL 63 4MATIC +, incluído no pacote AMG DYNAMIC PLUS opcional para SL 55 4MATIC +) permitem uma ampla variedade de características do veículo, de confortável a dinâmico. Os modos de condução individuais oferecem uma experiência de condução individual, adaptada com precisão às diferentes condições de condução. Como um recurso dos modos de condução AMG DYNAMIC SELECT, os modelos SL também apresentam AMG DYNAMICS. Este controle integrado da dinâmica do veículo estende as funções de estabilização do ESP® com intervenção que aumenta a agilidade no controle de todas as rodas, características de direção e funções adicionais do ESP®. Ao fazer curvas em velocidade, por exemplo, uma breve intervenção de frenagem na roda traseira interna gera um movimento de guinada definido em torno do eixo vertical para uma entrada precisa e ágil na curva. O espectro varia de extremamente estável a altamente dinâmico.

Gama de equipamentos SL: grande variedade para uma aparência individual

Os detalhes do equipamento e opções oferecem uma ampla gama de individualização para os mais diversos desejos do cliente – do esportivo-dinâmico ao luxuoso-elegante. Doze cores, incluindo dois tons exclusivos SL Hyper Blue metálico e MANUFAKTUR Monza Grey magno, três variantes de cores do teto e vários desenhos de rodas tornam a escolha um prazer. Três pacotes de aspecto exterior estão disponíveis para aprimorar a aparência e torná-la mais elegante ou mais dinâmica.

O SL 55 4MATIC + roda com rodas de liga leve AMG de 19 polegadas com vários raios de série, opcionalmente em prata ou preto fosco. O SL 63 4MATIC + assenta em rodas de liga leve AMG de 5 raios duplos de 20 polegadas. A gama de rodas inclui um total de nove variantes diferentes. Eles incluem duas opções aerodinâmicas otimizadas de 20 polegadas em design de 5 raios duplos ou multi-raios. A gama completa-se com rodas de liga leve AMG de 21 polegadas com design de 10 raios e rodas forjadas AMG de 21 polegadas com design de 5 raios duplos, ambas em duas cores.

Sobre o autor

Deixe uma resposta

comentários recentes