Selecione a página

Mercedes CLS ganha motor de 1,5 litro na China

Mercedes CLS ganha motor de 1,5 litro na China

Para obter as vantagens dos benefícios fiscais na China que incidem sobre o deslocamento volumétrico do motor, a Mercedes-Benz lançou na terra da grande muralha o CLS equipado com um pequeno motor a gasolina.

Apelidado de CLS 260, ele fica abaixo dos 300 e 350 na República Popular e possui um trem de força de quatro litros turbo de 1,5 litro. Esse motor é o mesmo que equipa, por exemplo o Classe C. O motor de 1,5 litro desenvolve 181 cv a 6.100 rpm e 28,5 m.kgf de torque entre 3.000 a 4.000 rpm.

A potência é enviada para as rodas traseiras através de uma transmissão automática de nove velocidades e, dessa forma, o CLS 260 pode acelerar 0 a 100 km/h em 8,7 segundos e alcançar a velocidade máxima de 250 km/h. Rapidez. O consumo médio de combustível, de acordo com o padrão local, é de 13,8 km/l.

O preço começa em 576.800 yuan, o que equivale a 466 mil reais nas taxas de câmbio atuais e parece muito dinheiro para pagar em um CLS de quatro cilindros. Curiosamente aqui no Brasil a versão de “acesso” a gama CLS é CLS 450 4MATIC, equipada com o motor de seis cilindros em linha de 3 litros com a tecnologia EQ Boost que entrega 367 cv a 6.000 rpm e torque 51 m.kgf entre 1.500 a 4.000 rpm, que também é vendida por 466 mil reais. Já a versão CLS 450 4MATIC Sport é tabelada a 499 mil reais. E por fim a versão CLS 53 AMG 4MATIC+ custa 599 mil reais.

Sobre o autor

Deixe uma resposta

comentários recentes