Selecione a página

Marco histórico, unidade da Mercedes-Benz em Ludwigsfelde comemora 30 anos

Marco histórico, unidade da Mercedes-Benz em Ludwigsfelde comemora 30 anos

Há trinta anos, um caminhão LN2 foi o primeiro veículo Mercedes-Benz a sair da linha de produção em Ludwigsfelde, que agora é a terceira maior fábrica de produção de van da Daimler no mundo. Hoje, cerca de 200 unidades da Sprinter e suas variantes (chassis, veículo plataforma, trator) são fabricados diariamente, totalizando mais de 50 mil unidades por ano. Mais de 820 mil veículos com a estrela já foram produzidos na fábrica de Brandenburg e vendidos em todo o mundo.

De caminhão para van – um novo começo após a queda do muro

O caminhão com a designação LN2 abriu o caminho, seguido rapidamente pelo primeiro furgão, o T2, que também foi construído de 1991 a 1996. O T2 foi substituído pelo Vario e finalmente pelo Mercedes-Benz Sprinter, cujas suas variantes estão em produção em Brandenburg desde 2006. Atualmente, em Ludwigsfelde, são produzidas a terceira geração do Sprinter e seus derivados. Estes constituem a base para vários tipos de veículos, por exemplo ambulâncias, autocaravanas ou furgões refrigerados.

Poder econômico e segurança para a região

Há três décadas, a fábrica de Ludwigsfelde era uma das maiores e, portanto, mais importantes empregadores industriais da região. O primeiro-ministro de Brandemburgo, Dr. Dietmar Woidke, por ocasião do aniversário disse: “O que começou há 30 anos tornou-se uma história de sucesso. Estou feliz que a construção de veículos da antiga RDA em Ludwigsfelde foi estabilizada e expandida graças à entrada da Mercedes-Benz após 1990. Ludwigsfelde é, portanto, uma das histórias de sucesso da unidade alemã”.

Em anos anteriores, a Mercedes-Benz Vans investiu muito no futuro da fábrica, um total de cerca de um bilhão de euros. “A fábrica é um pilar em nossa rede de produção mundial atual”, disse o Dr. Ingo Ettischer, chefe de produção da Mercedes-Benz Vans. “Já definimos o caminho nos últimos anos para preparar Ludwigsfelde para o futuro, principalmente tendo em vista a transformação para vans elétricas e conectadas. Além disso, há a crescente digitalização da produção. Tudo isso requer potência inovadora, expertise e profissionalismo – como a equipe Ludwigsfelde prova de forma impressionante todos os dias. “

O capital mais importante: a equipe

Hoje, mais de 2.000 pessoas trabalham para a Mercedes-Benz em Ludwigsfelde, a maioria delas na produção do Sprinter. “Há um fator decisivo que determina nosso sucesso sustentável aqui na fábrica e essa é nossa equipe”, disse o gerente da fábrica e diretor administrativo da Mercedes-Benz Ludwigsfelde GmbH, Dr. Markus Keicher. “Somente com as pessoas certas você pode produzir veículos com sucesso por um longo período de tempo. Você precisa de uma equipe qualificada e experiente que dê o seu melhor todos os dias para que os veículos possam ser produzidos de acordo com as especificações dos clientes e se manterem nas estradas de todo o mundo – por anos e anos. “

Mudanças na produção ao longo dos anos

A produção mudou consideravelmente nos últimos trinta anos e a fábrica foi constantemente desenvolvida. Graças à sua eficiência e inúmeras inovações, Ludwigsfelde é hoje um das unidades mais modernos do Grupo. Nos últimos anos, a digitalização aumentou consideravelmente na produção de Vans Mercedes-Benz, na forma de sistemas de transporte sem condutor, exoesqueletos ou uso de chips RFID em processos logísticos.

Citações adicionais:

Mudanças na produção ao longo dos anos

Steffen Seidel, chefe de preparação de séries na fábrica de Ludwigsfelde, está trabalhando há quase 30 anos e disse sobre as mudanças na produção: “Quando construímos os primeiros veículos em 1991, a fábrica de produção parecia muito diferente de como é hoje A maior parte da seção manual das tarefas foi substituída em grande parte por um grau muito maior de automação. Hoje, fazemos consideravelmente mais de 200 veículos por dia em dois turnos, algo que seria difícil de imaginar trinta anos atrás. Isso foi possível graças ao poder inovador do pessoal, novas tecnologias de produção, melhorando a ergonomia no local de trabalho e melhorando constantemente a preparação em série. Aqui, os métodos mais recentes de digitalização, fabricação de peças, carrocerias para veículos pré-série, e métodos de treinamento para a equipe de produção são constantemente adicionados e aprimorados. Com isso, start-ups de produtos altamente complexos e desafiadores, como as várias gerações de Sprinter, nós reformulamos com sucesso a fábrica de Ludwigsfelde. Pessoalmente, estou fascinado pelo campo de tensão entre o desenvolvimento de produtos cada vez mais sofisticados e sua aplicação em nossa fábrica em um mundo cada vez mais digitalizado. “

Crescimento combinado – Ludwigsfelde e Mercedes-Benz

Andreas Igel, o prefeito de Ludwigsfelde, disse sobre o assunto das raízes da Mercedes-Benz na área: “Conseguimos muito juntos, e a história da cidade de Ludwigsfelde está inseparavelmente ligada à história de sucesso da fábrica – não apenas nos últimos trinta anos. A fábrica tem contribuído para tornar Ludwigsfelde um local atraente para seus habitantes nas últimas décadas e para ajudar a cidade e a região a se desenvolverem constantemente. Nós, como cidade, estamos orgulhosos desta parceria de longa data e confiável e gostaríamos de dar os parabéns à direção e a todo o staff pelos trinta anos do ‘Mercedes-Benz Made in Ludwigsfelde’! Faremos tudo o que estiver ao nosso alcance para reforçar ainda mais esta parceria no interesse dos colaboradores e das gentes da região, “prometeu Igel.

Sobre o autor

Deixe uma resposta

comentários recentes