Selecione a página

Museu Mercedes-Benz traz exposição sobre os 55 anos de fundação da AMG

Museu Mercedes-Benz traz exposição sobre os 55 anos de fundação da AMG

Uma exposição especial sob o lema “55 anos da AMG”, a história da marca AMG de Affalterbach está sendo apresentada no Museu Mercedes-Benz até o início de 2023. “55 ANOS AMG – MUDANDO O JOGO” pode ser visto até o final de fevereiro de 2023.

Acesso livre

A exposição especial “55 YEARS AMG – CHANGING THE GAME” no Museu Mercedes-Benz retoma o impulso com um conceito especial: oito dos doze veículos em exibição têm o lendário motor V8 AMG de 5,5 litros sob o capô – e dão com esta unidade e sua abreviatura de deslocamento “55” na designação do tipo o quadro certo para este aniversário. O motor utilizado desde 1997 é considerado um marco na história da AMG – um verdadeiro divisor de águas. Este é também o carro de turismo de corrida AMG 300 SEL 6.8 com o qual a marca, ainda jovem na época, conquistou uma vitória na classe nas 24 horas de Spa-Francorchamps em 1971, que ainda hoje impressiona, e o segundo lugar na classificação geral.

Inúmeras exposições de veículos

Três outras exposições de veículos ilustram o futuro da Mercedes-AMG: o show car de 2017 para o Mercedes-AMG ONE, o atual Mercedes-AMG GT 63 SE PERFORMANCE e o estudo Vision AMG – o cupê de quatro portas oferece uma visão fascinante do futuro totalmente elétrico da Mercedes AMG. No entanto, os dois últimos foram exibidos apenas temporariamente. Inúmeras outras exposições completam a exposição especial, incluindo o motor M 113 K V8 de 5,5 litros em seu próprio pedestal, placas dos montadores de motores AMG como promessa de qualidade “One Man – One Engine” da Mercedes-AMG, a 24ª hora corrida em 1971 em Spa-Francorchamps e o passe de carro para o carro de turismo de corrida AMG 300 SEL 6.8.

A exposição especial “55 YEARS AMG – CHANGING THE GAME” é acessível gratuitamente e estará em cartaz até o final de fevereiro de 2023. Realiza-se nas áreas públicas do foyer e no piso 0 do Museu Mercedes-Benz. Cinco carros de segurança originais da Fórmula 1 também estão em exibição no estacionamento do museu: a base para os veículos prateados de alto desempenho com a estrela da Mercedes a serviço da segurança nas pistas internacionais também são os lendários modelos AMG.

Os veículos na exposição especial “55 YEARS AMG – CHANGING THE GAME

O motor V8 de 5,5 litros AMG teve sua estreia em 1997 e desdobrou seu efeito brilhante em vários veículos ao longo de vários estágios de evolução. A produção terminou em 2012. Este motor de oito cilindros, conhecido internamente como M 113, é a primeira unidade AMG a ser produzida em massa.

Carro de turismo de corrida AMG 300 SEL 6.8 (W 109), 1969

A lenda da AMG: A AMG desenvolveu este carro de corrida com base no sedã de luxo Mercedes-Benz 300 SEL 6.3 (W 109) de alto desempenho. Otimizado em particular para o motor e o chassi e com um peso sem carga de 1.635 kg, ele catapultou a AMG para o centro das atenções do automobilismo com desempenho impressionante na corrida de 24 horas em Spa-Francorchamps em 1971. Os impressionantes dados principais: 6,1 segundos para a aceleração de 0 a 100 km/h e uma velocidade máxima de mais de 265 km/h.

Mercedes-Benz CL 55 AMG “F1 Limited Edition” (C 215), 2000

Tecnologia de corrida para a estrada: é isso que o CL 55 AMG “F1 Limited Edition” oferece em 2000. A tecnologia e o design estão intimamente baseados no carro de segurança da Fórmula 1. Trem de força, chassi, sistema de freio, exterior e interior – a AMG montou e coordenou o pacote perfeitamente. O CL 55 AMG “F1 Limited Edition” é o primeiro carro de estrada do mundo com freios cerâmicos e uma potência máxima de frenagem de 1.471 kW (2.000 cv).

Mercedes-Benz C 55 AMG (W 203), 2004

O C 55 AMG com motor de 5,5 litros e oito cilindros apareceu em 2004 como sedã e station wagon. Visualmente, o novo modelo de desempenho difere mais claramente das outras variantes da Classe C do que antes – esses fortes acentos têm sido uma marca registrada da AMG desde então.

Mercedes-Benz CLK DTM AMG (C 209), 2004

A temporada de 2003 do German Touring Car Masters (DTM) foi extremamente bem-sucedida para a Mercedes-Benz – Bernd Schneider conquistou o título pela quarta vez. A marca comemora isso com o CLK DTM AMG, que apresentará na primavera de 2004. Ele oferece alta tecnologia do automobilismo, parece semelhante a carros de turismo de corrida – e excelente desempenho: 3,9 segundos de zero a 100 km/h, velocidade máxima de 320 km/h (limitada eletronicamente). Apenas 100 serão construídos.

Mercedes-Benz CLS 55 AMG (C 219), 2005

É uma criação única: em 2005, a AMG combinou o CLS coupé de quatro portas com o lendário motor sobrealimentado de 5,5 litros. O resultado é um veículo em uma classe própria: o CLS 55 AMG oferece 350 kW  (476 cv) e acelera de 0 a 100 km/h em 4,7 segundos. O equipamento de série no interior inclui o uso generoso do melhor couro napa e o painel de instrumentos AMG com uma escala de velocímetro de 320 km/h.

Mercedes-Benz SL 55 AMG (R 230), 2005

Desempenho máximo cultivado: O SL 55 AMG combina a potência máxima do motor V8 sobrealimentado com o Active Body Control. Ele vai de 0 a 100 km/h em 4,7 segundos. A velocidade máxima pode ser aumentada de fábrica para 300 km/h, se desejado. Peças de acabamento AMG de alta qualidade, bancos esportivos e instrumentos especiais do cockpit aprimoram o caráter do carro esportivo de ponta.

Mercedes-Benz SLK 55 AMG “Black Series” (R 171), 2006

Um roadster compacto com motor de oito cilindros de alto desempenho: a partir de 2004 estará disponível apenas na AMG – o SLK 55 AMG. Dois anos depois, chega ao mercado como o primeiro modelo “Black Series”: ainda mais potente, ainda mais esportivo. As características especiais visíveis incluem a capota rígida de carbono fixa, saídas de ar laterais de carbono, rodas forjadas de 19 polegadas e um avental dianteiro modificado sem faróis de neblina. Os para-lamas dianteiros também são feitos de carbono.

Mercedes-AMG Project ONE show car, 2017

É um marco: em junho de 2022, bem a tempo do seu 55º aniversário, a Mercedes-AMG apresenta a versão de produção do Mercedes-AMG ONE. Pela primeira vez no mundo, o superesportivo de dois lugares traz a mais moderna e eficiente tecnologia de tração híbrida da Fórmula 1 da pista de corrida para a estrada. Em 2017, o show car “Mercedes-AMG Project ONE” celebrou sua estreia no Salão Internacional do Automóvel (IAA) em Frankfurt/Main e agora é um dos destaques da exposição especial.

Fonte e Fotos: MBpassion.de

Sobre o autor

Deixe uma resposta

comentários recentes